Justiça defere pedido de recuperação judicial da MMX, diz empresa

Por Istoé

A MMX informa que foi deferido pelo juiz titular da 4ª Vara Empresarial da Comarca do Rio de Janeiro, Paulo Assed Estefan, seu pedido de recuperação judicial e da sua controlada MMX Corumbá Mineração. Os pedidos foram feitos no final de novembro.

O juiz nomeou como administrador judicial o escritório de advocacia Marcello

Macêdo Advogados, cujo representante é Marcello Ignácio Pinheiro de Macêdo, diz a MMX.

Com a decisão, ficam suspensas todas as execuções contra as empresas, que devem apresentar contas demonstrativas mensais durante todo o processamento da recuperação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *